Taylor Swift derruba “Despacito” do topo da tabela!

Novo single da cantora é a música mais ouvida nos EUA

Após 16 semanas, Despacito, de Luis Fonsi ft Justin Bieber, já não é o número um da Billboard Hot 100. Finalmente, apareceu uma nova música que conseguiu retirar o hit do topo da tabela. O novo sucesso é de Taylor Swift.

Reputation, Taylor Swift

Look What You Made Me Do é o nome do novo single, que faz parte do álbum Reputation, que será lançado no dia 10 de Novembro. Este sucesso não é novidade nenhuma para Taylor Swift. Não é a primeira vez que a artista é líder da tabela. Em 2012 com We’re Never Ever Getting Back Together e, em 2014, com Shake It Off.

O reinado de Despacito chegou ao fim! Por uma semana, o sucesso mundial não se tornou na música que mais tempo permaneceu no primeiro lugar do ranking da Billboard. O hit de Luis Fonsi igualou a canção One Sweet Day da Mariah Carey ft Boys II Men (1995), que esteve em primeiro lugar durante 16 semanas consecutivas. Quase que se tornava na música mais popular dos EUA, mas a verdade é que não se pode retirar o mérito deste hit.

Para além do feito anterior, Taylor Swift tornou-se na única mulher a liderar o ranking semanal da Billboard neste ano.

Estas são as primeiras 10 músicas do TOP 100 da Billboard, neste momento:

1. Taylor Swift – “Look What You Made Me Do”
2. Luis Fonsi – “Despacito (Feat. Justin Bieber, Daddy Yankee) (Remix)”
3. Cardi B – “Bodak Yellow”
4. DJ Khaled – “Wild Thoughts (Feat. Rihanna, Bryson Tiller)”
5. Charlie Puth – “Attention”
6. Imagine Dragons – “Believer”
7. French Montana – “Unforgettable (Feat. Swae Lee)”
8. Shawn Mendes – “There’s Nothing Holdin’ Me Back”
9. Logic – “1-800-273-8255 (Feat. Alessia Cara and Khalid)”
10. Liam Payne – “Strip That Down (Feat. Quavo)”

Assiste ao video-clip do novo hit mundial.

Gosta e Partilha!

Imprima

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.